Recado

Recado

A morte desse governo bifronte, que solapou a esperança do país, merece uma comemoração à altura. Os tristes mandarinatos de Dilma Rousseff e Michel Temer são partes contíguas do processo de desconstrução nacional deste último quatriênio. Condutores ignóbeis, atolaram o país no atraso, tanto nos tempos de “ingenuidade”, com Dilma, quanto nos de “profissionalismo”, com Temer. O golpe não redime o despreparo do governo do PT, nem se justifica pelo reformismo fraudulento dos ex-aliados usurpadores. Cada um, a seu jeito, detonou a governança, esfolou a constitucionalidade e fez graves arranhões na nossa púbere democracia. Carregam a responsabilidade pela ideação e banalização do mal-estar brasileiro. Portanto, que estourem os rojões! Que toque forte o batuque das ruas! Que sejam entoadas as rezas e ladainhas para que tragédia igual não aconteça nunca mais! Vade retro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *