Lirismo no Consultório

Lirismo no Consultório

Christian Lynch, cientista político

 

“Uma parte de mim é multidão

Outra parte é estranheza e solidão

Uma parte de mim é permanente

Outra parte se sabe de repente”.

Ferreira Gullar

 

 

 

Requer o psicanalista, apático,

Que o paciente seja prático.

 

– Uma parte de mim é multidão

Outra parte é estranheza e solidão

Uma parte de mim é permanente

Outra parte se sabe de repente.

 

Pede analista, pelo paciente maçado,

Que este ponha o lirismo de lado.

 

– Uma parte de mim é amor

A outra, cautela e temor

Uma parte de mim é personalidade

Outra parte, reflexo da idade…

 

Conclui o analista, enfastiado,

– Seus problemas são artísticos

Lirismo exposto em dísticos

Chavões tirados da mala

Daqueles em paredes de sala.

 

Replica o analisado, exasperado,

– Como pode o senhor ser tão insensível?

Tanta rudeza é incompreensível!

 

Retruca o analista também,

– Você é normal, dois braços, duas pernas

Bom marido, ganha bem,

Por que gosta de viver às duras penas?

Será masoquista também?

 

– Não masoquista: artista!

 

O analista consultou seu relógio

E anunciou – Sua hora acabou.

Você porta a síndrome terrível

Das partes desgarradas

O que não é irreversível

Como fantasias mal-curadas.

Tenha pois juízo, menino

Que isto não é, de modo algum

Colóquio flácido para acalentar bovino.

 

Conduziu o paciente à saída.

– Tens alguma razão, sentiu

Mas uma morbidez assaz vil.

 

O analisado se despediu:

– Perdoe, doutor, a minha lida

Mas a vida anda tão dura

Que só lhe pago na próxima consulta.

 

Saiu. O psicanalista ficou sozinho, entregue ao seu próprio ser, a meditar sobre o que lhe haviam dito, as profundas verdades da existência humana. E concluiu:

 

– Uma parte dele é multidão

Outra parte é estranheza e solidão

Um parte dele é permanente

Outra parte se sabe de repente

Mas sem dúvida a pior das partes

É a que, não bastando ser permanente

Ainda tem a cara de pau

De sair inadimplente.

 

O autor é professor do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da UERJ (IESP-UERJ).

clynch3@hotmail.com

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *